Brasão da República
Siga nossas Redes Sociais!

Em Olinda, homem é preso por falsa identidade e exercício ilegal da profissão

O agente de orientação e fiscalização Marcelo Fernandes e a Chefe do Departamento de Orientação e Fiscalização Rosângela Albuquerque

Durante ação de fiscalização que aconteceu na quarta-feira, 17/05, um homem que atuava como instrutor de uma academia de ginástica, no bairro de Casa Caiada, em Olinda, foi preso por exercício ilegal da profissão e por falsa identidade.
Ao checar, no sistema cadastral, as informações fornecidas pelo instrutor da academia durante uma fiscalização anterior, os agentes verificaram que os dados apresentados não condiziam com o número de registro apresentado por ele.
Após a constatação de que o homem repassou informações inverídicas, tendo informado o número do CREF e o nome de um profissional que é semelhante ao dele, os agentes acionaram a Polícia Militar, que conduziu o homem à delegacia, onde foi lavrado o Termo Circunstanciado de Ocorrência pela prática do crime de falsa identidade, previsto no Art. 307 do Código Penal, e pela prática do exercício ilegal da profissão, previsto no Art. 47 do Lei de Contravenções Penais. Além disso, também foi aberto inquérito para investigar a conduta de falsidade ideológica, prevista no Art. 299 do Código Penal.

Compartilhar no: